Animação “Fixing Luka” (Fixação de Luka)

 photo f14_zpsq0ardcxe.jpgResolvemos fazer esse post pois um amigo nosso (Ivan Spolador) nos marcou em uma reportagem da Aliança para a Infância que mostrava uma animação sobre autismo. Adoramos animações e fomos logo assistir. É um projeto daqueles que você se apaixona a primeira vista, um filme que toca no fundo da alma e que faz a gente querer espalhar pois o aprendizado contido ali é enorme e lindo. Sempre que uma lindeza dessas cai nas nossas mãos nos emocionamos muito e ficamos gratas por existirem pessoas que conseguem dar forma, concretizar lições de vida. É claro que o autismo traz dificuldades, comorbidades, revoltas… mas também traz crenças, quebra de paradigmas, união e um amor capaz de dar uma força fora do normal para lutarmos e inspirarmos outras famílias e pessoas, um amor que faz com que sintamos a vontade de ajudar as pessoas, não a consertarem seus filhos mas a entenderem e compreenderem a missão deles na Terra.

 photo f12_zpszzsgtuqn.jpg

 photo f6_zpshfp0giok.jpg

Sinopse:

Patos de borracha alinhados perfeitamente em uma fileira. Mil selos presos a uma parede do quarto. Uma pirâmide de dedais bateu no chão. Estas são apenas algumas das rotinas obsessivas de Luka, uma rotina diária desempenhada sob o olhar ansioso de sua irmã, Lucy. Ela acha que Luka precisa de conserto pois cada vez que ela perturba sua rotina, Luka desmorona. Literalmente.

Uma noite – maltratada por suas molas e rejeições – Lucy finalmente perde a paciência e foge. Tropeçando na floresta, ela descobre um soldado de relógio em uma barraca. Quando consegue consertar sua cabeça, Lucy acha que encontrou a solução para seus problemas em casa.

Assistam até o final e vejam o que acontece no desenrolar da história.

Fixing Luka (2011) from Jessica Ashman on Vimeo.

Ficamos realmente impressionadas com essa produção pois ela chegou até a gente também como um sinal divino. Também criamos um personagem autista que se chama LUKA e fizemos algumas histórias em quadrinhos com ele aqui pro blog e no filme, Lucy, a personagem que se preocupa e quer entender e consertar o Luka, é irmã dele. E é um vídeo sobre TOTAL empatia mostrando que o os caminhos (Son Rise e Antroposofia – pedagogias curativa e waldorf) que acreditamos e confiamos realmente são os que mais respeitam e tratam o autista com um indivíduo, uma pessoa com habilidades e dificuldades que serão diminuídas através de seus interesses, respeito e amor.

Pesquisamos um pouco sobre o filme e sobre a autora da obra para que a gente dê ainda mais valor ao curta.

Fixing Luka foi uma produção bastante épica considerando que foi seu primeiro curta profissional. Foi também o seu primeiro filme com financiamento profissional onde ela poderia contratar uma equipe para ajudar. “Lembro-me de Anna Odell, a produtora fantástica do curta, dizendo-me “Você faz a criação e eu vou fazer isso acontecer”, e isso me fez realmente concentrar-se nesta idéia de colaboração.” disse ela em uma entrevista. Na obra ela queria mostrar a “aceitação do outro” através do AMOR!

 photo f9_zpsidqrc6ga.jpg

 photo f2_zps1ualdlvm.jpg

O filme tem uma sensação tátil impressionante, como se pudéssemos tocar as personagens. A aparência do curta derivou da idéia de Lucy e Luka sendo bonecos de relógio quebrados – Luka especificamente. Desgastado nas bordas, sujo, mas inocente no caráter. A talentosa produtora, Judith Johnston, fez um belo trabalho criando os modelos para o filme, desenvolvendo esse estilo em uma forma física, trabalhando a partir de meus desenhos e pintura. À medida que mais personagens foram adicionados (como a mãe e o soldado de brinquedo), este estilo dilapidado expandiu-se para todo o mundo da animação. Ela queria o passar o conceito de “sentimento quebrado” e ao mesmo tempo, desenvolver um lado familiar. Colocou também patchwork, que combinava fragmentos sonhadores de nostalgia familiar com um olhar sombrio, mágico, de conto de fadas.

Simplesmente amamos! Este curta demorou um ano para ficar pronto e ganhou inúmeros prêmios. Abaixo está a ficha técnica da produção. Esperamos que tenham gostado e sentido, profundamente, o que está por trás deste roteiro e produção. Esta animação nos deixou muito contente e esperançosa, pois os autistas precisam, acima de tudo, de nossa empatia.

 photo f4_zpsljrpe45o.jpg

 photo f10_zpsbdskuilv.jpg

Escrito, Animado & Dirigido por Jessica Ashman
Produzido por Anna Odell
Diretor de Fotografia: Ruan Suess
Original Pontuação: Pete MacDonald
Chefe de Design e Modelismo: Judith Johnston
Editor: Rachel Tunnard
CGI Responsável: James Houston
Desenvolvimento da história: Paul Welsh & Rosie Crerar
Animadores: Nicola Welbourne & Simon Doolan
Modeladores Superiores: Wendy Cairns & Gary Loughran
Modeladoras: Nicola Welbourne, Joanne Ferrie, Luisa Cocozza, Karen Hall, Edgar Elizabeth, Susan McCoomb, Claire Thacker
Artista Digital: Claire Thacker
Carpinteiro: Frazer Fyfe
Misturador de Dublagem: Romano Valerio em 422
Músicos: Emily Carr, Rory Clark, Susan Appelbe, Graeme Black, Gillian Fleetwood, Fergus MacDonald, Pete MacDonald, Cameron Maxwell
Colourista e Online: Tom Balkwill em Looks sujos
Equipamento fornecido por Kolik
Produtora: Ciara Barry
Coordenador do projeto: Ashley Black

Fontes:

Jessica Ashman
Fixing Luka
Director Notes

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>